Arquivo da categoria ‘Artigos’

Qual é a missão da Igreja?

A Missão da Igreja é uma continuação da Missão de Cristo, e o melhor exercício desta missão deve ter como ponto de partida a identificação com o ministério de Cristo Jesus.

O Evangelho todo, para o homem todo é a única direção a ser seguida.
É este o expediente e o modelo que Jesus também nos apresenta no Evangelho de Marcos 6.34-44, onde ele vendo, uma grande multidão se compadeceu dela porque eram como ovelhas que não tem pastor e passou a ensinar-lhes muitas coisas e em seguida, vemos que ele alimentou a multidão, cumprindo assim um ministério integral.

Igreja também tem como missão a busca de todos os homens,onde eles estiverem, nas suas circunstâncias e nas suas participações para anunciar as boas novas do Evangelho recheadas de Amor e Graça,como fez Jesus, e crer na operação dinamizadora do Espírito Santo na vida desses homens.

??

Anúncios

Já está disponível o estudo do Grupo portas abertas que aponta quais os países que apresentam os maiores índices de perseguição religiosa do planeta. Confira!


“De fato, todos os que desejarem viver piedosamente em Cristo Jesus serão perseguidos.” 2 Tm 3.12

Amados, a paz de Cristo!

Acabamos de receber um pedido da MCE Brasil – Missão Cristã Europeia Brasil, para estamos orando seguindo uma agenda.

Continuemos firmes nas disciplinas espirituais e em seu momento de oração acrescente o pedido ou agradecimento da agenda nacional de oração desta semana que segue em abaixo. Convide seus amigos, familiares e igreja a agradecer e interceder pelos nossos irmãos.

Para mais informações: mcebrasil.org

Fonte: SMC

Pra ser gente, devemos praticar o amor uns com os outros, pois só assim, seremos mais humanos.

“Nisto conhecemos o que é o amor: Jesus Cristo deu a sua vida por nós, e devemos dar a nossa vida por nossos irmãos.”

I João 3:16

Fonte: SMC

Para os que arde no peito o desejo de servir a Deus em missões, ou até mesmo encorajar os duvidosos, estamos postando um artigo pertinente ao tema. Um abraço a todos.

 

VISÃO, AMOR PELOS PERDIDOS E DISPOSIÇÃO

 

Para iniciar um trabalho missionário numa igreja, é necessário primeiramente que, aquelas pessoas interessadas em fazê-lo, se prontifiquem a compreender a vontade de Deus em relação ao assunto. Para isso, precisam ter a visão certa: a visão de Deus. Então podemos fazer algumas perguntas para entendermos melhor sobre essa necessidade.

– O que você sente no coração quando ouve alguém falar sobre as necessidades do mundo?
– Idéias novas e diferentes surgem em sua mente quando alguém lhe fala sobre missões?
– Você ora constantemente pelos missionários que estão no campo?
– Você tem influenciado outros para se envolverem com missões?
– Quando alguém compartilha contigo a respeito do seu chamado, você o incentiva a continuar?
– Você já mobilizou pessoas alguma vez a enviar uma oferta missionária para missões?
– Você gosta de participar de conferências, congressos, acampamentos que abordam o tema missões?
– Você envia periodicamente oferta para algum missionário no campo?

Deu para sentir que as perguntas acima apontam uma ligação inquebrável das três áreas necessárias na vida da igreja, para alguém iniciar um departamento missionário. Essas áreas são, na verdade, a essência do compromisso missionário que todo cristão deve ter no seu dia a dia, elas são:

VISÃO + AMOR PELOS PERDIDOS + DISPOSIÇÃO = M I S S Õ E S

Mais de dois bilhões e setecentos milhões de seres humanos, número que representa cerca de dois terços da humanidade, ainda não foram evangelizados. Sentimo-nos envergonhados da nossa negligência para com tanta gente; continua sendo uma reprimenda para nós e para toda a Igreja. Há, no momento, todavia, em muitas partes do mundo, uma receptividade sem precedentes para com o Senhor Jesus Cristo. Estamos convictos de que esta é a hora de as igrejas e outras instituições orarem fervorosamente pela salvação do povo não evangelizado e de lançarem novos programas visando a evangelização total do mundo.

(CONGRESSO INTERNACIONAL DE EVANGELIZAÇÃO MUNDIAL, Lausanne)

“E disse-lhes: Ide por todo o mundo, e pregai o evangelho a toda criatura”

(Marcos 16:15).

As Boas Novas do Evangelho foram deixadas na terra por Jesus, para toda a raça humana. Por isso, devemos ir por todo mundo, e não apenas para algumas regiões. O “Ide” é imperativo e não opcional. Este é o nosso chamado como corpo de Cristo, é a nossa responsabilidade: ir e pregar o evangelho.

VISÃO – Olhar para o mundo sob a perspectiva bíblica. Saber que Jesus morreu por todos os homens. Conhecer as necessidades do homem e ter a verdadeira consciência sobre as responsabilidades conferidas a você para mudar tal situação.

AMOR PELOS PERDIDOS – Uma paixão desenfreada por aqueles que se perdem no mundo. Preocupação autêntica com as pessoas que ainda não foram alcançadas pelo evangelho. Sofrimento e dor quando ouve alguma notícia sobre a situação caótica da raça humana. Sente a responsabilidade de mudar a situação.

DISPOSIÇÃO – Levanta-se para fazer algo concreto em benefício das pessoas. Não mede esforços para trabalhar na casa de Deus. Está sempre alegre em saber que tudo aquilo que é feito para a obra de Deus é bom e satisfatório. Não importa o resultado imediato, o importante é que o nome do Senhor está sendo glorificado. Dispõe-se debaixo de uma vívida e empolgante responsabilidade para mudar a situação.

Visão = Conhecer a responsabilidade.
Amor pelos perdidos = Sentir a responsabilidade.
Disposição = Agir sob a responsabilidade.

Fazer missões é algo imperativo para o povo de Cristo. O “Ide” é uma ordem do próprio Senhor Jesus.

Fonte: Igreja Metodista Wesleyana

11079634_450352818455105_6647682002583904864_nA vocação de Deus é pessoal, intransferível e incontestável. Pessoal, pois Ele chama pessoas e não coisas; gente e não instituições. E ao chamar, Deus lança no coração de Seus filhos uma profunda convicção de propósito – a busca por estar no lugar certo, na hora certa e fazendo o que Ele deseja de nós a cada dia. Intransferível, pois o propósito de Deus é único e personalizado. A vocação não é um projeto, mas um estilo de vida. Não se baseia em uma lista de tarefas, mas em um relacionamento único, pessoal e intransferível com o Pai. Incontestável, pois a voz de Deus é clara. Ao chamar Ele produz em nossos corações profunda convicção e, quando fora do Seu propósito, incômodo. Sua palavra é comparada a “muitas águas” (Apoc 1.15) e ao “trovão” (Is. 33.3). Ele sempre se faz ouvir. Quando Deus chama somos tomados pelo desejo de segui-lo –  e tudo o mais só ganha sentido neste caminho. Chamado e vocação são termos correlatos na Palavra de Deus e derivam da expressão “kaleo” – chamar. Em todo o Novo Testamento vemos que Ele chama para a salvação (2 Pe 1.10), para a liberdade (Gl 5.13), para sermos de Jesus Cristo (Rm 16) e para a ceia das bodas do Cordeiro (Ap 199). Todo chamado se dá segundo o Seu propósito (Rm 8.28) e somos encorajados a permanecer firmes no chamado (1 Co 7.20), andar de forma digna da nossa vocação (Ef 4.1) e a vivê-la junto com outros igualmente chamados em Cristo (Ef 4.4).   (mais…)

Missionário tinha 79 anos; igreja foi fundada em 1962.
Deus é Amor tem mais de 11 mil igrejas espalhadas pelo Brasil

O missionário David Martins Miranda, fundador da Igreja Pentecostal Deus é Amor, morreu aos 79 anos na noite deste sábado (21), de infarto, informou a igreja em nota.

David Miranda era casado com Ereni Miranda e pai de quatro filhos: David, Débora, Leia e Daniel. (mais…)

A história da Harpa Cristã

Publicado: 20 de fevereiro de 2015 em Artigos

http://www.harpacrista.com.br/

Os primeiros hinos cantados nas Assembleias de Deus

A música pentecostal, no início do movimento no Brasil, se dividia em música importada e em composições brasileiras. Em seus primórdios, as Assembleias de Deus cantavam os tradicionais hinos formais protestantes do hinário da Igreja Congregacional, Salmos e Hinos, para o seu cântico congregacional, que também eram utilizados por diversas igrejas evangélicas históricas. O hinário Salmos e Hinos havia sido publicado em 1861 pelos missionários congregacionais Robert e Sara Poulton Kalley. (mais…)

A MISSÃO INTEGRAL E O REINO QUE HÁ DE VIR

Publicado: 12 de fevereiro de 2015 em Artigos

ESTE ESTUDO É PARTE DO MEU LIVRO: “MISSÃO INTEGRAL: EVANGELISMO E RESPONSABILIDADE SOCIAL NA DINÂMICA SOLIDÁRIA DO REINO DE DEUS”.

O Reino que há de vir

O Reino que Jesus pregava era um reino que também haveria de vir com a parousia (cf. Mc 14:25; Mt 8:11). As duas escatologias – o reino que já é e o reino que há de vir – encontram seu termo na pregação de Jesus e dos apóstolos. Os dois Reinos se fundem em um só, pois representam a mesma (mais…)

Igreja Evangélica tem crescimento constante no Peru

Publicado: 6 de fevereiro de 2015 em Artigos

Número de cristãos evangélicos dobrou em quase 15 anos

Igreja Evangélica tem crescimento constante no Peru

No Peru, a Igreja Evangélica tem experimentado um crescimento constante nos últimos anos. O número de cristãos evangélicos dobrou em quase 15 anos, após se implantado no país a pregação do Evangelho. Pastor afirma que “Deus quer que o Evangelho continue a ser pregado no país”. De acordo com o último censo realizado pelo Instituto Nacional de Estatísticas (INEI) em 2007, a população que confessava seguir a religião evangélica era de 12,5%. (mais…)